Pensando, Sonhando, Vivendo e Refletindo

Standard

“Nem sempre tudo é o que aparenta ser! Deixa uma janela semiaberta, o tempo vai mostrar se vale apena a abrir ou fechar totalmente.”

Filipe Miguel

Podem acompanhar tudo aqui:
https://filipemiguel.blog

Anúncios

Amores Clandestinos

Standard

“…
O espelho sempre foi um local excelente para nos escrevermos, entre reflexos e gestos.
A vida oferece-nos tudo, temos é de saber aproveitar e valorizar.
…”

Filipe Miguel

Este pequeno excerto foi retirado do livro “Amores Clandestinos”.
O livro já se encontra à venda nos locais habituais e em http://www.chiadobooks.com/livraria/amores-clandestinos

Podem acompanhar tudo aqui:
https://filipemiguel.blog

Dia Mundial da Monitorização da Água

Standard

O Dia Mundial da Monitorização da Água tem lugar anualmente a 18 de setembro.
A data foi criada em 2003 pela American’s Clean Water Foundation, sendo celebrada inicialmente a 18 de outubro, no aniversário do US Clean Water Act. Contudo, como em várias partes do mundo a água se encontra congelada nessa altura do ano, a data foi antecipada um mês, para 18 de setembro.
O objetivo da celebração é sensibilizar e envolver as pessoas de todo o mundo na proteção dos recursos hídricos pela monitorização dos recursos hídricos locais.
A organização não governamental EarthEcho International promove um desafio mundial chamado “EarthEcho World Water Monitoring Challeng”, que incentiva as pessoas as analisar e a proteger os recursos locais desde o Dia Mundial da Água, em março, até ao final do ano.
Com a utilização de um simples kit de teste consegue-se retirar uma amostra de água para avaliar a sua qualidade, nomeadamente a sua temperatura, acidez (pH), clareza (turbidez) e oxigénio dissolvido. Os resultados são depois analisados e publicados online no site da EarthEcho International. Cerca de 1 milhão e meio de pessoas de 142 países aderem à iniciativa, recolhendo mais de 70 mil amostras de água.

Podem acompanhar tudo aqui:
https://filipemiguel.blog

Dia de São José de Cupertino

Standard

O Dia de São José de Cupertino comemora-se a 18 de setembro.
José Desa (Guiseppe Desa) nasceu a 17 de junho de 1603 em Cupertino, Nápoles, e faleceu a 18 de setembro de 1663 em Ósimo, Ancona.

O santo que voava
A história de São José de Cupertino é uma das mais fantásticas entre o calendário dos santos, tendo dado origem a filmes como “The Reluctant Saint” (1962). O “santo que voava”, o “frade voador”, o “irmão voador” são alguns nomes atribuídos a São José de Cupertino.
Nascido num estábulo como Jesus, José teve uma infância marcada pela pobreza. Já na escola teve os seus primeiros êxtases, onde ficava parado, de olhar perdido, dando-lhe os colegas o nome de “boca aberta”. Pelo som de um sino da igreja, de uma música sacra, ou da menção do nome de Deus, Cristo ou de Maria, José entrava em êxtase e tinha visões das quais não saía mesmo com beliscões ou queimaduras. Algumas visões conseguia descrever com detalhe, doutras não conseguia ter memória.
Tentou ingressar na vida religiosa por diversas vezes, mas sem sucesso, por clara incapacidade. Com muita insistência foi admitido num convento franciscano onde ficou encarregue de tomar conta das mulas.
Tão pouco dotado intelectualmente, José era apelidado pelos outros e até por si mesmo como o “irmão burro” perante os frades do Santuário de Grottella que o tinham acolhido. Quando foi avaliado para o sacerdócio, ele foi ajudado sobrenaturalmente nas suas provas, passando com distinção. Apesar das suas limitações, ele conseguia comentar o Evangelho ao pormenor e quando o Papa Urbano VIII o encontrou, este fez-lhe perguntas complicadas em aramaico às quais José respondeu na mesma língua com naturalidade.
São José era visto regularmente em levitação, erguido nas alturas, e do seu corpo emanava um ligeiro perfume. A ele foram atribuídos muitos milagres de cura e muitos conselhos sábios, sendo o santo procurado por multidões de doentes, teólogos e intelectuais. A sua fama foi alvo de inveja, com acusações de poderes demoníacos, o que o levou ao Tribunal da Inquisição de Nápoles. José saiu inocente do processo, mas foi transferido para conventos isolados. Depois de muito sofrimento e de prever a própria morte, o santo faleceu com 60 anos.

Santo padroeiro
Por toda a sua história, São José de Cupertino é o santo padroeiro dos estudantes desesperados que a ele recorrem em oração em altura apertada de exames, assim como dos alunos com alguma deficiência mental e dos alunos mais distraídos.
Ele é também o padroeiro dos passageiros, dos pilotos e dos astronautas.

Podem acompanhar tudo aqui:
https://filipemiguel.blog