Que mundo é este em que vivemos hoje em dia?

Que mundo é este em que vivemos hoje em dia?
Quando é que vai parar esta onda de violência e terrorismo?
Será que trocaram os ideais das pessoas?
No lugar da amizade, do amor, da felicidade, dos sorrisos… deram lugar ao fanatismo, ao terrorismo, à ganância, à violência, ao medo, à tristeza…?
Que mundo é este que não conheço mais?
Mundo este em que a primeira opção é a violência, guerra, sem medos nem contemplações.
Mundo este que para armas de fogo, bombas, atentados terroristas… e tudo o que gera à volta da violência e da guerra, há dinheiro para financiar estes actos de violência condenáveis. E para acabar com as desigualdades na sociedade, com a miséria, com a fome no mundo, com a exploração infantil…, para estas causas não há formas, nem vontades de financiar e ajudar, visto a ganância dos mais ricos quererem cada vez mais gerar mais poder.
Até onde vai este fanatismo político e religioso?
O grande perigo do fanatismo, é que ele faz com que as pessoas deixarem de raciocinar por elas próprias. Faz com que percam a sensibilidade e o livre arbítrio. Isto tudo para dar sequência a tradições, dogmas sem justiça, promovem o controlo mental e deixarem as pessoas não pensarem por elas próprias, mas alguém que decida por elas. O resultado disto tudo somado à falta de cultura e conhecimento sobre as manipulações, mitos e abusos, faz com que fanáticos sejam amados e seguidos por outros.
Hoje as minhas palavras são inteiramente de conforto e consolo para as famílias e para quem sofreu e está a sofrer com ataques de terrorismo e violência.
É muito revoltante e frustrante assistir a todos estes actos desta magnitude, baseados numa crença sem fundamento e que espalham o terror, o medo, destroem famílias, lançam o pânico, geram a insegurança e o ódio por todos os civis inocentes.
Basta!
Chega!
Ódio gera mais ódio. Está na altura de acabarem com estas tragédias. É altura de voltarem a deixarem o Amor tomar conta do coração das pessoas. É altura deixarem de lado o ódio, a violência e darem lugar à união, amizade e ao amor.
Digam não à violência e ao terrorismo!
Façam Amor!
Sejam felizes!

Filipe Miguel

Que mundo é este em que vivemos hoje em dia

Anúncios

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s