Tempo

Às vezes perdemos os olhos. É quando, por graça ou azar, deixamos de contemplar o muito que a simplicidade nos propõe. Chamo isso de ver, mas não enxergar; seja a janela de casa, que pode ser só um buraco ou uma lacuna para a grandeza do mundo, seja o sol nessa mesma janela pela manhã, […]

via Olhar — um findo mundo

Anúncios

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s