Certezas ninguém as tem

Standard

Filipe Miguel

Certezas? Ninguém as tem, só no momento! Ela paira no ar, mas será que é realmente a nossa? O que é realmente sentir certeza?! Sente-se de imediato que é sem dúvida o caminho certo? E depois é mesmo?
Há o momento em que sabes que antes já tinhas a certeza…
Quando existem as tais duvidas, as certezas por alguma razão ou apenas por nenhuma na nossa cabeça começam a ficar mais presentes. Certezas de alguma forma existem e as sentimos, mas as experiências e as situações essas dizem muito mais e são essas que nos transmitem muitas sensações, poderão não ser as mais acertadas, mas são aquelas que sentimos no momento, as que nos fazem pensar.
Certezas! Essas por vezes são só nossas, da outra parte seja do que for, ficam muitas vezes a pairar no ar!
De todas as certezas reside uma incerteza, se vais ou se ficas…!
O…

View original post mais 31 palavras

Anúncios

O oposto

Standard

Sobre tudo e mais um pouco

   Você é meu oposto e, que eu saiba, os opostos se atraem. É por isso que estamos nesse dilema: quem cozinha e quem lava a louça, se vemos um jogo de Basquete ou o Brasileirão. Gosto de dormir de cochinha enquanto você de dormir esparramado, mas meu desejo por você só aumenta e nem sei como explicar, parece que meu coração sairá pela boca. Amo poder deitar em seu colo e conversar sobre coisas aleatórias para minutos depois estar descutindo se o horizonte tem fim ou não. E a discussão sempre acaba conosco na cama, se amando como se o mundo acabasse no outro dia.
Não posso esquecer do que realmente me encantou na primeira vez que te vi: seu sorriso contaginante. Nunca me esquecerei. Foi assim que me apaixonei pelo meu oposto.

 Lívia Carla 

  • Imagem: @mikutas e @klemenswhite

View original post

O VENTO MORNO DA TARDE

Standard

Contos e Crônicas - Uma experiência literária

O vento morno da tarde tocou o seu rosto e trouxe a seu espírito uma paz que não sentia a tempos.

Estava cansada, muito cansada, de tudo e de todos. O mundo era grande demais para seus ombros. E era ainda maior, imenso, pois o egoísmo era como uma doença que ressecava o espírito e aumentava a distância entre as pessoas, fazendo com que um pedaço de terra de dez metros quadrados pareça conter milhares de anos-luz. A cada passo nesse longo e cruel caminho da vida, mesmo em meio à multidão, parecia que a próxima alma amiga estava sempre à quilômetros de distância. E esse doloroso distanciamento de almas era demasiado cansativo para ela, sua vida estava a cada dia mais pesada, seus músculos mais tensos e sentia-se cada vez mais só. A desilusão, como uma erva daninha, assomava-se a suas horas de vida, principalmente nestes últimos dias, onde…

View original post mais 751 palavras

Sozinha em meio a multidão

Standard

Secret4Wall

É tão engraçado a gente estar rodeado de pessoas, e mesmo assim se sentir sozinho. Mas o pior mesmo é você olhar ao seu redor e realmente não ter ninguém ali do seu lado. Você acha que o problema é você, que as pessoas não gostam de você e que não é alguém que as pessoas gostariam de ter por perto. Acaba que entramos num buraco para poder se esquecer do mundo, esse buraco nada mais é que o fundo do poço. É triste você parar e olhar ao seu redor e ver apenas escuridão e o silêncio que faz você pensar, antes fosse pensamentos bons, mas não, são pensamentos negativos, você começa a de depreciar, te colocar mais fundo do que já está. Sentir o seu coração vazio, seu peito doer, muitas das vezes você até pensa em desistir da vida, porque não consegue achar um motivo que te…

View original post mais 394 palavras