Está na hora de soltar a âncora

Filipe Miguel

A vida não espera, nem faz pausas.
Vou fazer as malas e rumar à felicidade. Muitas vezes não sabemos para onde vamos, mas sabemos com certeza onde não pertencemos.
A minha mala inevitavelmente precisa de ser feita, porém, já há tanto tempo que se arrasta para a chegada da hora, que o tempo cansou de esperar, a mala permanece por fazer…
Já há muito tempo que não faço as malas, pois fiquei ancorado na solidão.
As maiores e mais pesadas âncoras são aquelas que estão dentro de nós! Aquelas que se cravam em nós no cansaço dos dias!
Está na hora de soltar a âncora!
Que bela âncora, ter as malas prontas a todas as horas, será talvez o melhor conforto para ajudar a manter a âncora sempre em busca da verdade.
Logo pela manhã, em cada amanhecer parto para uma nova aventura, da mala retiro o excesso do dia…

Ver o post original 23 mais palavras

Anúncios

2 comentários

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s