Estar solteiro, mas acreditar no amor

Durante muito tempo senti uma angústia e uma tristeza. Fui corajoso, porque a maioria das pessoas prefere afirmar que se sente bem sozinha e que está tudo bem. É uma forma de defesa, não gostamos que os outros se apercebam das nossas vulnerabilidades.
O que posso dizer?
Estou solteiro já há muitos anos e é duro. Porquê? Pela simples razão: as pessoas não querem compromissos sérios hoje em dia. Eu não quero aventuras de uma noite, ou de uma estação do ano. Quero mais, quero muito mais do que isso. Quero algo sólido, verdadeiro, honesto, intenso…
Hoje é tudo descartável e rápido, porque dá trabalho ter uma relação. Ouvi algumas vezes o discurso “Não te apaixones!” Ora se uma pessoa se envolve é porque está apaixonada! Não é? Enfim.
Não há fórmulas certas. Temos que ser como somos e estarmos bem, o que nem sempre é fácil!
Não deixem de acreditar no amor, lutem por aquilo que desejam e coloquem o destino nas vossas mãos. Nunca é tarde para amar, nem para sonhar. E não liguem aos discursos dos outros, as pessoas por vezes não têm a noção dos limites… já sabes o que não queres de certeza absoluta, o resto virá, acreditem e quando menos esperarem, vão encontrar o amor da vossa vida…

Filipe Miguel

Estar solteiro, mas acreditar no amor.jpg

Podem acompanhar tudo aqui:
https://filipemiguel.blog

Já disponível em livro à venda nos locais habituais e em http://www.chiadobooks.com/livraria/amores-clandestinos

Anúncios

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s