Leão, o seu horóscopo mensal para o mês de Agosto

Standard

Você consegue encontrar seu lugar ao Sol e isso é uma recompensa justa. Os influxos de Júpiter em Escorpião confirmam suas decisões e você expressa, perfeitamente, aquilo que deseja. É assim que você conseguirá percorrer seu caminho sem encontrar nenhum obstáculo. Você sabe quem é e afirma isso com muita força e bom humor. Se, no começo do mês, você tiver a impressão de ter algumas dificuldades para fazer com que seus projetos decolem, isso será passageiro, você tirará de letra. Com as últimas questões ajustadas, você terá o sentimento de que as coisas estão indo rápido demais. Não entre em pânico, os planetas em Capricórnio colocarão um freio em você e você poderá aproveitar a vida e as pessoas ao seu redor até o final do mês.

Panorama Amoroso:
Vênus em signo amigo o deixa sereno e atento em relação aos outros em geral. Isso permite que você entre em harmonia sem ser obrigado a aceitar as diversas diferenças ou interações. Sua potência e sua forte presença não ofuscam ninguém, pelo contrário, seu calor humano faz bem.

Em casal:
Vocês existem um para o outro e sua união é exemplar. Apenas algumas pequenas divergências de opinião sobre assuntos sem importância podem aparecer. O amor vai muito bem para vocês.

Se solteiro:
Algumas novidades notáveis podem surgir em sua vida neste mês. Você está vigilante, e com razão. Abra bem os olhos, certamente há alguém que vislumbra percorrer uma parte do caminho com você.

O conselho do seu Horóscopo do Dia:
Ao recusar o moralismo dos outros, você desfrutará do melhor e conseguirá o impossível. Sair da rotina pode, às vezes, fazer com que a adrenalina aumente.

1º decanato (de 27 de julho a 2 de agosto): alguns problemas previstos pelo caminho!
Até o dia 13, preste atenção às suas ações e reações que podem estar à flor da pele se alguém ousar se opor a você ou a seu ponto de vista e sugestões (dia 2). Mesmo que você tente (buscando sucesso) se comunicar com os outros, por volta do dia 8, você provavelmente vai dar de cara com paredes, portas fechadas e mal-entendidos com aqueles com quem convive. O resultado será pura frustração por ter sido tão renegado. Espere até o final do mês para se recuperar. Aceite que talvez o caminho seja concordar em abrir a mente para outras possibilidades para conseguir mover alguns pauzinhos (dia 25)! Será um fim de mês ativo que deve permitir que você retome as rédeas, mas lembre-se de compartilhar pelo menos um pouco o controle. Em casal, se você acha que é a única pessoa que existe no mundo ou, pior, pensa que sempre tem razão e tenta impor suas regras àqueles com quem convive, saiba então que as brigas tem motivo e prepara-se, pois possivelmente assim você acabará sozinho. No final do mês (em torno do dia 25), você terá autonomia que tanto deseja e que tem tido dificuldade de conseguir, mas não conseguirá usá-la tanto em família. É mais possível que consiga no trabalho! Se solteiro, você estará mais para lutar do que para largar o osso na primeira quinzena do mês que entra com um ar meio problemático. Das duas, uma: ou esta alta frequência vai lhe ajudar a atiçar algumas paixões (dia 8), ou lhe trará frustrações, por volta do dia 10, quando a boa corrente deixará de passar e você provavelmente se sentirá mal interpretado e até rejeitado! Você retornará ao sucesso (possivelmente mais social do que emocional) no final do mês (dia 25), quando você saberá melhor do que ninguém como mostrar seus encantos e talentos para convencer quem quiser a acreditar em você e lhe seguir para onde for!

2º decanato (de 3 a 13 de agosto): coisas de família!
Tensões familiares previstas para os dias 6, 9 e 11, quando sua opinião provavelmente será contestada e você ficará chateado que resistam as suas ideias. Se for uma briga ligada a uma herança ou a luta por poder que divide a família, será mais adequado intervir a partir do dia 19, quando as conversas estarão mais fluídas e possivelmente todos (ou quase todos) acabarão concordando, até o final do mês. Conte com uma conjuntura astral particularmente inspiradora e harmoniosa no dia 19 para fortalecer vínculos e a eventualmente curar certas feridas. Em casal, não há garantias de que as coisas serão pacíficas nesta primeira metade do mês, em que você não vai realmente estar disposto a chegar a acordos, preferindo impor sua opinião e decisões (a seus filhos, parentes ou parceiro). Cuidado, no entanto, para não cair num discurso muito definitivo nos dias 6, 9 e 11, que não trará nem um pouco os melhores resultados. A segunda quinzena será muito mais apropriada para fazer as pazes. E pode esperar por conciliação em torno do dia 19, em que você mudará um pouquinho como pensa, o que ajudará a chegar a um consenso justo todo mundo! Se solteiro, a tendência é que você queira defender seus interesses sem muito controle em questões familiares que parecem lhe puxar para conflitos ou que lhe colocam em situações delicadas de uma forma ou de outra. Se o clima vem sendo tenso desde a metade de julho, por isso espere até o dia 18 para retomar as conversas de uma melhor maneira. Por volta do dia 19, a tempestade dará uma trégua, abrindo alas para o consenso, contexto perfeito para resolver seus problemas e abrir um caminho que convenha a todos!

3º decanato (de 14 a 22 de agosto): anda um pouco nervoso?
Entre os dias 12 e 23, muito diferente do que ser rebaixado a segundo plano, você se fará bem presente, querendo ser o centro das atenções. O Sol ilumina seu decanato e lhe convida a brilhar, a arrasar e por que não a seduzir! Cuidado no entanto com uma tendência a ficar muito agitado, o que pode lhe trazer certa tensão e nervosismo, lhe atrapalhando. A partir do dia 13, Marte chega meio agressivo, lhe forçando a agir (o que não é necessariamente ruim), mas isso pode lhe deixar um pouco descontrolado. Então tente canalizar essa linda energia fazendo esportes (por que não?) e espere até o dia 27, quando Vênus virá para lhe resgate e tranquilizar, restaurando sua capacidade de se comunicar com gentileza. Em casal, você está transbordando de energia e provavelmente terá a oportunidade de usá-la em agosto. Não espere porém conseguir levar o outro para correr atrás de seus sonhos. Há inclusive o risco de que você gaste sua preciosa energia e não necessariamente favoreça seu parceiro. Se você sente que a pressão está aumentando, espere a chegada de Vênus (a partir do dia 27) que lhe ajudará a canalizar seus pontos fortes com sabedoria (para comunicar seus sentimentos, por exemplo), e enquanto espera inscreva-se em algum clube de esportes, academia ou em uma maratona! Se solteiro, o conselho é o mesmo! Não necessariamente você saberá como canalizar os fluxos de tensão trazidos por Marte, e você pode acabar incomodado por não conseguir canalizar tudo isso. Então prefira usar sua força para queimar calorias: comece a correr ou de repente se inscreva em aulas de boxe! No final do mês, Vênus irá convidá-lo a retomar o modo carinhoso e a expressar essa bela intensidade para tentar sua sorte no amor e abrir seu coração!

Meu conselho:
Um mês em que as trocas estarão às vezes um pouco difíceis e em que você não estará disposto a largar o osso. Felizmente, na segunda metade de agosto você conseguirá retomar as rédeas, muito provavelmente modificando o estado das coisas que, de toda maneira, não funcionava mais!

Só a quadratura Marte/Urano pode complicar um pouco as coisas para nós no começo do mês. O período é estável, submetido a aspectos estáticos que, felizmente, se equilibram! Nas horas de descanso e de férias, é bom saber que um céu cúmplice e clemente nos observa com benevolência. No entanto, é preciso constatar que esta quadratura desperta alguns problemas recorrentes desde maio do ano passado. Mudanças sociais, novas propostas, novas descobertas? Elas podem abalar nossos hábitos e nossos estilos de vida. Seja como for, essas evoluções necessárias estão sendo preparadas desde que Marte retrógrado voltou a visitar o signo de Capricórnio. Lá, ele se junta à dupla Saturno/Plutão, que, há alguns meses, trabalha em uma grande mutação. Assim, mesmo que nós descansemos, os planetas se ativam e colocam em prática ações positivas, cheias de esperança e de grandes renovações. Como isso se traduz no plano individual? Os movimentos planetários induzem acontecimentos que serão marcantes dependendo do lugar que eles ocupam, do setor de nossas vidas. A partir da segunda quinzena do mês, são os signos de Terra que estarão em destaque. Os mapas demonstram um destaque para esses signos, especialmente para Capricórnio e Touro, que são tocados por essas diferentes propostas: consolidação de laços, evolução de relacionamentos, construção de um futuro em comum, novos desafios (profissionais ou privados), essas coisas podem ser oferecidas como presentes dos astros. É preciso aproveitar, pois tudo é possível. Mesmo que haja questionamentos previstos, eles serão muito favoráveis se forem bem acolhidos.

Signo de Leão.jpg

Podem acompanhar tudo aqui:
https://filipemiguel.blog

Anúncios

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s