Signo Leão: nascidos a 1 de Agosto

Standard

De pensamento e conduta independente, as pessoas que nasceram no dia 1 de agosto costumam falar apaixonadamente sobre suas crenças e quando recebem criticas sofrem decepções ou enfrentam adversidades, e raramente abandonam seus princípios. Como têm dificuldades para trabalhar de maneira subordinada, são indivíduos com tendência à liderança e plenamente capazes de funcionar independentemente.
Sempre que virem oportunidades de crescimento ou melhora não duvidarão em aproveitá-las. Como são auto suficientes, vivem na esperança de que os outros descubram a sabedoria que suas ideias encerram, mesmo que nunca tentarão impor seus pontos de vista, consideram que as pessoas devem estar preparadas para ouvir a verdade. Sendo assim, tentarão influir subtilmente nas pessoas com seu excelente – ainda que às vezes escuro -, senso de humor, bem como com seus comentários, que costumam ser muito precisos.
As pessoas que nasceram neste dia valorizam a auto  suficiência acima de qualquer outra virtude e, ainda que seja certo que isto possa ajudá-los a progredir quando somado à sua energia e suas habilidades organizativas, também pode ser uma fonte de infelicidade.
Sem ir mais longe, poderiam se desligar do amor e do apoio dos outros, uma tendência que fará com que se sintam emocionalmente isolados, e que será dolorosa quando estes indivíduos estiverem dispostos a oferecer ajuda. Igualmente podem levar sua independência ao extremo da teimosia e da inflexibilidade a respeito de suas crenças. Isto pode impedir seu crescimento psicológico e minimizar suas possibilidades de alcançar o sucesso.
É de vital importância que aprendam a se comprometer e que sejam conscientes dos efeitos negativos que sua intensidade causa nas pessoas de seu entorno.
Entre os vinte e um e os cinquenta e um anos de idade, se internarão num período de maior ênfase no trabalho, na eficácia e na ordem. Nesta fase desenvolverão uma maior consciência das questões práticas da vida. Independente de sua idade, se conseguirem reconhecer a necessidade de serem menos desapegados e mais sensíveis às necessidades dos outros, para assim se comprometerem de maneira saudável, estes indivíduos radicais se surpreenderão e surpreenderão aos seus semelhantes com uma criatividade autentica e inspirada.
Desafio: Aprender a se comprometer.
O caminho a seguir é: Entender que o compromisso não é um passo para trás, mas uma maneira de romper barreiras para poder avançar.
A favor: Independentes, originais, influentes.
Contra: Desapegados, inflexíveis, difíceis.

Nascidos a

Podem acompanhar tudo aqui:
https://filipemiguel.blog

Anúncios

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s