Dias cheios de beijos

Que todos os dias nos beijem o coração e a alma.
O beijo é um prazer de sedução, de amor e é impossível esquecer. Um beijo dado com amor, é como beijar o coração e a alma, são beijos mágicos e únicos.
O beijo deve ser sempre acompanhado por um sentimento verdadeiro e profundo, para ser sentido na alma, não há nada melhor que nos consigam chegar à alma.
Beijar só porque sim, que sentido faz? Se quero beijar alguém, que seja um beijo sentido, com carinho e merecido. Que seja sincero e que toque no coração de quem o recebe. É uma forma de exprimir e transmitir um pouco do que sentimos. Não deve haver nada mais belo e sincero do que um beijo dado depois de um olhar intenso e profundo, onde tudo é transmitido sem palavras. Esses beijos, são absolutamente únicos, insubstituíveis, aquietam os nossos medos, as nossas inseguranças. No momento seguinte, num abraço sentido, aconchegante em que se sinta o calor, a paixão e tantas outras coisas belas e sentidas. No beijo, os sentimentos misturam-se, o desejo aumenta, desperta dentro de nós coisas bonitas em que nos sentimos no céu. E por isso que o hoje seja todos os dias, seja sempre e para sempre.
O coração sente e a alma complementa.

Filipe Miguel

Dias cheios de beijos.png

Podem acompanhar tudo aqui:
https://filipemiguel.blog

Texto retirado do livro Amores Clandestinos
Já disponível em livro à venda nos locais habituais e em http://www.chiadobooks.com/livraria/amores-clandestinos

Anúncios

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s