Signo Sagitário: nascidos a 16 de Dezembro

As pessoas que nasceram no dia 16 de dezembro estão dotadas de uma imaginação transbordante. Por outro lado, encaram a vida com um enfoque lógico e objetivo que as protege e faz com que não sucumbam às modas passageiras e outras veleidades. De fato, são capazes de observar e analisar as pessoas e situações com o desapego inquisitivo de um antropólogo.
Nada escapa aos olhos destes indivíduos agudos e inteligentes. E quando combinam sua mente analítica, lógica e decidida com sua fértil imaginação, obtêm um potencial para discorrer inovações duradouras. Uma vez que fixam seus objetivos, os perseguem com uma determinação destacável e, se bem isto serve para incrementar drasticamente suas possibilidades de vencer em sua profissão – vale dizer que muitos deles chegam até o topo -, sua mente fechada e a obsessão por suas metas pode acabar isolando-os dos outros.
Até os trinta e cinco anos de idade adotarão progressivamente uma atitude mais prática e realista, que aplicarão na carreira em prol de seus objetivos.
Será nesta época quando certamente poderão sair do labirinto de sua carreira profissional. Por esta razão, é importante que alcancem o equilíbrio entre a vida pessoal e o trabalho, e que mostrem uma maior sensibilidade aos sentimentos dos outros.
Não obstante, depois de completar trinta e seis anos sua vida alcança um ponto de inflexão que enfatiza sua necessidade de independência e de expressar sua individualidade, bem como o desejo de ter menos responsabilidades. É provável que participem de atividades sociais, humanitárias, ou com um marcado caráter espiritual.
Num primeiro momento, esta mudança poderia confundi-los e desorientá-los, mas com o passar do tempo começarão a se entender melhor e experimentarão a vida não tanto como se esta fosse um laboratório científico e sim num nível mais intuitivo e profundo onde as coisas se vivem em vez de somente serem analisadas.
Também começarão a perceber que a chave para desbloquear seu potencial de sucesso consiste em não perder o senso de realidade e de enraizamento, de maneira que possam ser suficientemente receptivos para ajustar sua intuição e tomar as decisões corretas para si mesmos e para seus semelhantes.
Desafio: Resistir ao impulso de criticar.
O caminho a seguir é: Entender que às vezes a melhor maneira de encarar uma situação é se focar na solução em vez do problema.
A favor: Inovadores, minuciosos, visionários.
Contra: Pouco práticos, isolados, inconscientes.

Podem acompanhar tudo aqui:
https://filipemiguel.blog

Anúncios

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s