Noite quente e ousada

Hoje vestiste aquele teu vestido preto. Aquele teu vestido, que define muito bem as belas curvas do teu corpo e que te deixa muito mais sensual. Calças-te os sapatos de salto alto pretos. Colocas-te aquele teu perfume doce, que tem um aroma adocicado e intenso. Estavas deslumbrante e perfeita. Estavas perfeita para uma noite mágica. Preparada para ir-mos jantar.
Fomos aquele restaurante que nós tanto gostamos. Escolhemos ‘Vol-au-vent’ de camarão como entrada. Como prato principal, escolhemos lagosta e camarão com frutas proibidas.
A noite prometia e se já prometia. Hoje estavas doce, sensual, ousada… a noite estava quente e nós ardentes.
O jantar criou-nos um clima quente, ousado e deixou-nos completamente excitados. Viemos para casa, trocamos carícias ousadas dentro do carro, o clima estava quente e a ferver. Enquanto esperávamos pelo elevador a temperatura aumentou, os nossos corpos ardiam de desejo. Entramos no elevador, o calor subia pelos nossos corpos, o desejo de nos possuir invadia-nos. A minha mão à medida que subia entre as tuas pernas, levantava o teu vestido. O elevador parou, a porta abriu, tu sais com o olhar ousado e de menina safada, seguro-te a mão e puxo-te para dentro do elevador, agarro-te com força, puxo-te contra mim, beijo-te loucamente, beijámo-nos que nem dois loucos. As minhas mãos sobem pelas tuas coxas e levantam o teu vestido, sobem até acariciar a tua fonte de prazer, estavas completamente húmida. Peguei em ti, arredei o teu fio dental e foi logo ali, fomos um do outro ali mesmo sem receios, estávamos ardentes, entramos em casa sem nos largarmos. As nossas roupas iam caindo peça a peça pelo chão, deitei-te na cama, fui buscar uns morangos e chantilly e espalhei pelo teu corpo fui limpando com a língua e tu a mim. Passamos parte da noite com preliminares, com sedução, romance, erotismo e no fim fomos um do outro novamente. Ficaste de quatro, peguei-te pelo cabelo e começámos assim, trocamos e trocamos de posições, até os nossos corpos pararem.
O Amor é onde, como e quando quisermos!
Pega em mim e vamos nos amar!

Filipe Miguel

Podem acompanhar tudo aqui:
https://filipemiguel.blog

Anúncios

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s