Signo Sagitário: nascidos a 18 de Dezembro

As pessoas que fazem aniversário no dia 18 de dezembro estão dotadas de uma imaginação transbordante e um senso de possibilidades que aqueles que não são tão imaginativos costumam desprezar ou qualificar como ridículo. Contudo, a determinação que exibem na hora de tornar realidade seus sonhos tão magníficos lhes permite sobrepor-se a todas as críticas.
Desde muito jovens, os nascidos nesta data aprendem com rapidez, assimilam a informação e dominam as técnicas antes que os outros. Quando se adiciona uma criatividade incrível a esta fonte de conhecimentos, qualquer coisa acaba sendo, literalmente, possível. É frequente que durante toda a adolescência ou lá pelos vinte anos, já tenham planejado sua vida inteira. Logo, com o passar os anos, se entregarão de corpo e alma à tarefa de alcançar suas metas e tornar seus sonhos realidade. São indivíduos que pensam, antes de tudo, em longo prazo. Embora progridam lentamente aos olhos dos outros, conseguirão subir até o topo graças a um plano cuidadosamente traçado e baseado no preparo e na disciplina.
Até os trinta e três anos de idade gozarão de numerosas oportunidades para desenvolver um foco mais prático e realista, que poderão aplicar na persecução de suas metas. Deveriam aproveitar estas oportunidades e aceitar toda a ajuda que lhe oferecerem, incluindo os outros em seus projetos e diminuindo a carga de trabalho em longo prazo. Caso contrário, correm o risco de ficar extenuados, desiludidos e apáticos. Depois de completar trinta e quatro anos de idade, sua vida experimenta um giro que dá ênfase à necessidade de independência e ao desejo de expressar sua individualidade.
Será uma boa época para os indivíduos nascidos nesta data; porém, independentemente da idade que tiverem, a chave do seu sucesso está em sua capacidade de fixar objetivos realistas e na sua disposição para baixar o ritmo de sua vida. Isto lhes permitirá conectar-se com a intuição ou com seu silencio interno. Conectar-se com seus sentimentos os ajudará a perceber que esse senso de possibilidade e de descobrimento que desejam criar no mundo que os rodeia já existe em seu interior. Só falta encontrá-lo.
Desafio: Encontrar o silêncio interior.
O caminho a seguir é: Entender que a quietude e a solidão são duas forças poderosas que nos orientam e servem para induzir as mudanças e o progresso.
A favor: Imaginativos, energéticos, decididos.
Contra: Pouco realistas, preocupados, descentrados.

Podem acompanhar tudo aqui:
https://filipemiguel.blog

Anúncios

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s