Signo Capricórnio: nascidos a 28 de dezembro

As pessoas que nasceram no dia 28 de dezembro impressionam os outros graças à sua energia e à clareza de seus objetivos. São um exemplo deslumbrante de tranquilidade, segurança de si mesmas e confiabilidade, pessoas as quais se pode procurar em busca de apoio e de conselhos nos momentos de crise, pois sempre respondem sem duvidar.
Costumam se apresentar diante do mundo com uma imagem de capacidade e sofisticação, mas não é pouco comum que esta aparência competente mascare uma busca intensa pela realização pessoal e pelo sentido da vida. Sua presença carismática pode ter efeitos positivos e negativos.
O lado positivo é que ajudando ou motivando os outros conseguem obter uma enorme satisfação. O lado negativo deriva de sua preocupação pelo bem-estar dos outros, o que poderia fazer com que descuidem de suas próprias necessidades. A carreira profissional e a família certamente lhes proporcionarão uma maneira de conciliar estas aspirações com resultados verdadeiramente destacáveis, e deste modo não se sentirão divididos por duas tensões contrárias.
Como são indivíduos muito seguros de si mesmos, são capazes de inspirar confiança e inclusive espanto nas pessoas de seu entorno mediante sua percepção, compaixão e sincero desejo de contribuir ativamente para o progresso dos outros. Seriam perfeitos a não ser pelo fato de que têm problemas para aceitar a rejeição, e em vez de lutar, costumam abandonar-se e cair na depressão, sofrer episódios de comoção ou ataques de incerteza. Da mesma forma, às vezes parecem ter todas as respostas, algo que obviamente não é real. Esta segurança excessiva pode distanciá-los inclusive daquelas pessoas que em outros momentos os defendiam.
A partir dos vinte e quatro anos de idade estes indivíduos aproveitarão oportunidades para deixar de se preocuparem pela imagem que apresentam ao mundo e para se ocuparem de expressar sua individualidade. Deveriam aproveitá-las, pois, uma vez que reconhecerem que a realização pessoal e a ajuda aos outros não são coisas incompatíveis, e sim necessidades humanas perfeitamente compatíveis de realizar, poderão desbloquear seu potencial para transformar-se em exemplos deslumbrantes e inspiradores.
Desafio: Lidar com a decepção.
O caminho a seguir é: Entender que qualquer pessoa, por melhor que seja, comete erros, e que você não é uma exceção. Comece a ver os erros não como obstáculos e sim como trampolins para o sucesso.
A favor: Inspiradores, sofisticados, confiantes.
Contra: Frágeis, sérios, excessivamente seguros de si mesmos.

Podem acompanhar tudo aqui:
https://filipemiguel.blog

Anúncios

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s