O destino encantado do Reino do Butão

Com paisagens dignas de figurar em qualquer postal, o Butão consegue criar um cenário que remete à paz e à tranquilidade. O país asiático é uma espécie de jóia que ainda não foi descoberta, merecendo o olhar atento de qualquer aventureiro.
Localizado no sul da Ásia, mais precisamente na zona este dos Himalaias, o Reino do Butão encanta devido à rica cultura aliada à preservação das tradições e da natureza. É um destino que não costuma estar em destaque, assemelhando-se a um tesouro escondido.

Reino do Butão
O remoto reino budista continua a preservar uma grande parte da sua cultura tradicional. É um verdadeiro tesouro escondido, ideal para quem deseja visitar um destino menos convencional.

Amor picante
A gastronomia tradicional do Butão é muito centrada em sabores picantes. O prato tradicional é o ema datshi, feito com malaguetas e queijo.

Artes e ofícios tradicionais
Existem 13 géneros de artes tradicionais enraizadas no budismo e que são parte integral da cultura do Butão.

Artes e ofícios tradicionais
A pintura, a escultura, a gravação em pedra ou madeira, a caligrafia, o fabrico de papel, a moldagem, a alfaiataria, a tecelagem e a carpintaria estão entre estas artes tradicionais.

Artes e ofícios tradicionais
Uma vez que a conservação da herança cultural é muito valorizada no país, é possível observar vários residentes a executarem trabalhos mais tradicionais, como a tecelagem têxtil e o fabrico de papel.

Budismo
Templos, centros espirituais e estátuas decoram as cidades e também a zona rural, com uma arquitetura Dzong.

Budismo
Por mais diferente que possa ser a crença e a fé de quem visita o país, é impossível não apreciar a beleza e a tranquilidade do budismo.

Cigarros
O Butão é o único país onde a produção e a venda de tabaco é ilegal.

Desporto nacional
Deve experimentar o desporto tradicional, o ‘dha’, o tiro com arco. O país conta com alguns dos melhores arqueiros do mundo. Pode também participar em outras atividades como o ciclismo, andar de caiaque ou experimentar os banhos com as pedras quentes.

Felicidade Interna Bruta
Para avaliar o nível de prosperidade o país recorre ao índice da Felicidade Interna Bruta e não ao índice do Produto Interno Bruto.

Festivais
O Butão conta com vários festivais coloridos e animados. As celebrações costumam ocorrer como forma de homenagem à cultura budista, ao desporto e à religião.

Festival Paro Tsechu
É um festival religioso anual que conta com danças tradicionais, executadas por monges treinados e vestidos a rigor.

Grou-da-manchúria
A ave foi apelidada de ‘pássaro do céu’ porque diz-se que esta costuma ser atraída para locais sagrados. Curiosamente, costumam ser vistos a dar três voltas a voar sobre o Mosteiro Gangteng, no sentido dos ponteiro do relógio, no início e no fim do período migratório.

Hospitalidade
A cultura butanesa valoriza muita a hospitalidade e a reciprocidade. Muitos residentes costumam convidar os visitantes a entrar no interior das suas casas, dando-lhe assim a oportunidade de conhecer melhor a cultura local.

Idioma
No país são falados vários idiomas, no entanto o oficial é o Dzongkha.

Índice da Felicidade Interna Bruta
É um índice que mede fatores como a qualidade da governação, o desenvolvimento socioeconómico sustentável, a preservação cultural e também a preservação do ambiente.

Marijuana
As plantações de marijuana estão espalhadas um pouco por todo o país. A planta é usada para fins tradicionais, e os locais denominam-na por ‘planta da felicidade’.

Meteorologia
No país é possível experimentar diversas condições climatéricas diferentes, consoante a época do ano. O Butão tem as quatro estações do ano, primavera, verão outono e inverno, sendo que algumas regiões vivem períodos de monção durante o verão, entre junho e agosto.

Phobjikha Valley
Com vastos campos de bambu e belas montanhas, este vale é famoso por ser o local de residência do grou-da-manchúria, uma das espécies mais raras de grous no mundo.

Rei
O país segue uma monarquia constitucional, onde o rei atual é Jigme Khesar Namgyel Wangchuck. Quando recebeu a coroa, aos 28 anos, tornou-se no rei mais novo do mundo.

Tamanho
O território do país é relativamente pequeno, com uma área de aproximadamente 34.400 quilómetros quadrados. Em termos de comparação, a Suíça é ligeiramente maior.

Timbu
A capital do Butão é Timbu, que é também a maior cidade do país. Tem aproximadamente 100 mil habitantes e é conhecida devido aos templos e santuários budistas.

Trekking
O facto de estar situado perto dos Himalaias faz com que o país tenha excelentes condições para a prática de trekking.

Valor da natureza
A Constituição do país obriga a que pelo menos 60% da região esteja coberta por floresta.

Vestuário
A tradicional indumentária masculina é um robe que chega até aos joelhos, que se chama Gho. As mulheres usam vestidos até aos tornozelos, conhecidos por Kira, com um casaco mais fino por cima, denominado por Tego.

Viagem
Esta taxa paga pelos turistas faz com que o país nunca esteja ‘inundado’ por visitantes e permite que a integridade cultural se mantenha preservada.

Viagem
Uma vez que os turistas são obrigados a recorrer a um guia, as atividades ilegais ou irresponsáveis são quase nulas, não afetando assim o ambiente nem a comunidade.

Viagem
O valor pago reverte para programas governamentais, como cuidados de saúde, educação e a conservação da natureza. Isto quer dizer que o valor que está a pagar, ao visitar o local, reverte para o bem da comunidade.

Viagem
O país dá muito valor à espiritualidade e ao bem-estar. Desta forma é visto como um paraíso para fugir à agitação do estilo de vida moderno. Retiros de meditação podem ser encontrados em vários locais do país.

Viagem
O Butão pode ser considerado como um destino caro, no entanto isso acontece por uma boa razão. Os visitantes devem pagar uma taxa diária para visitar o local, mas o pagamento acaba por ser justo, uma vez que assim é permitido viajar de forma responsável.

Lufada de ar fresco
Coloridas bandeiras de oração, paisagens exuberantes, estátuas de budas de ouro e uma atmosfera de paz podem ser encontradas neste paraíso. Não encontrará wi-fi em todos os lugares, podendo assim desligar-se do mundo exterior com mais facilidade.

Podem acompanhar tudo aqui:
https://filipemiguel.blog

Anúncios

Um comentário

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s