Menu Início

Dia Internacional do Livro Infantil

O Dia Internacional do Livro Infantil celebra-se anualmente em 2 de abril.
Esta data é celebrada por iniciativa do Conselho Internacional sobre Literatura para os Jovens (IBBY), que em Portugal é representada pela Associação Portuguesa para a Promoção do Livro Infantil e Juvenil (APPLIJ).
O IBBY criou o Dia Internacional do Livro Infantil em 1967, para homenagear o escritor dinamarquês Hans Christian Andersen, (autor de algumas das histórias para crianças mais lidas em todo o mundo), cujo aniversário do nascimento é assinalado a 2 de abril.

Dia do Livro Infantil em Portugal
Todos os anos é divulgada pela IBBY uma mensagem de incentivo à leitura, da autoria de um escritor de nacionalidade diferente, que é depois traduzida e divulgada nos países que integram o IBBY. O cartaz português é sempre da autoria do ilustrador vencedor do Prémio Nacional de Ilustração.

Atividades para o Dia do Livro Infantil
Existem inúmeros livros infantis de escritores nacionais e estrangeiros. Destacam-se alguns escritores de livros infantis mais adorados: Sophia de Mello Breyner Andresen, Hans Christian Andersen, Miguel Torga, José Saramago, Alice Vieira, Luis Sepúlveda, etc.

Livros para o Dia Internacional do Livro Infantil
– O Soldadinho de Chumbo, de Hans Christian Andersen
– Histórias e Contos Completos, de Hans Christian Andersen
– Úrsula, a Maior, de Alice Vieira
– Livro com cheiro a morango, de Alice Vieira
– A Maior Flor do Mundo, de José Saramago
– O Cavaleiro da Dinamarca, de Sophia de Mello Breyner Andresen
– Bichos, de Miguel Torga
– O Gato das Botas, Charles Perrault
– O Pequeno Príncipe, de Antoine de Saint-Exupéry
– História de um gaivota e do gato que a ensinou a voar, de Luis Sepúlveda

Podem acompanhar tudo aqui:
https://filipemiguel.blog

Anúncios

Categorias:Datas, eventos e acontecimentos históricos Filipe Miguel - Escritor

Filipe Miguel

O que escrevo serve para expressar situações, momentos, sentimentos... do dia a dia de todos nós. Amores e desamores. Amores clandestinos...
Os textos aqui escritos não são autobiográficos. Mas podem ser biografias de mim e de muitos de nós, aqui e além. É neste pequeno véu que fica por levantar que se encontra a sublime sensação que o resto, o resto só a nós (seres apaixonados, românticos, sensíveis, loucos...) pertence!

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: