Menu Início

Momentos de felicidade

O que é um momento de felicidade?
Um momento de felicidade não se descreve, ele sente-se cá dentro, bem dentro do nosso ser. Momentos de felicidade só existem quando temos momentos felizes.
Os momentos felizes, são aqueles momentos que queremos que nunca terminem. Aqueles em que queremos que o tempo pare, só para que nunca terminem. E acima de tudo, é estarmos presentes e sentirmos a beleza e perfeição dos momentos e de todas as coisas que o envolvem.
A felicidade é um estado de espírito e uma filosofia de vida.
A felicidade existe quando existem momentos felizes. Momentos que nos proporcionam uma grande euforia, bem-estar e leveza, muita leveza. É como ouvir uma bela melodia e sentir essa melodia como uma melodia de paz dentro de nós.
A felicidade, é aquele momento feliz do qual gostaríamos que não terminasse. É um momento não traduzível em palavras, mas que se pode ler através do olhar!
Existe aquele momento feliz, quando abraçamos alguém de quem gostamos muito ou quando recebemos aquele sorriso daquela pessoa tão especial para nós. É sentir o coração tão leve, que nos eleva até ao topo do mundo.
A felicidade existe quando existem momentos felizes. Mas para os momentos felizes acontecerem, temos de ter consciência para saber lidar com os momentos de tristeza. São estes momentos de tristeza que nos dão a força e a sabedoria para enfrentar os desafios que nos aparecem à nossa frente como um teste à nossa capacidade de compreender e entender o que é ser feliz e o que são realmente momentos de felicidade.
Ser feliz não é o objetivo, mas sim o caminho!

  • Filipe Miguel

Podem acompanhar tudo aqui no blog. Registem-se no blog para seguirem todas as publicações. Não pagam nada por se registarem no blog   🙂
Acedam em:
https://filipemiguel.blog

ou através da página Filipe Miguel-Blogger e Escritor no facebook em:
https://www.facebook.com/FilipeMiguel.Escritor/

Anúncios

Categorias:Desejo, Amor & Romance Literatura

Filipe Miguel

O que escrevo serve para expressar situações, momentos, sentimentos... do dia a dia de todos nós. Amores e desamores. Amores clandestinos...
Os textos aqui escritos não são autobiográficos. Mas podem ser biografias de mim e de muitos de nós, aqui e além. É neste pequeno véu que fica por levantar que se encontra a sublime sensação que o resto, o resto só a nós (seres apaixonados, românticos, sensíveis, loucos...) pertence!

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: